Olá meu povo querido, mais um agosto se aproxima e com este mês, também chega à Semana do Estudante, semana essa que as Pastorais da Juventude do Brasil promovem uma atenção mais especial para as juventudes inseridas nos colégios públicos e privados religiosos.

Sabemos da importância de estarmos presentes diretamente na questão da educação do nosso país, e neste momento em que vivemos um momento crítico na educação com as greves das universidades federais, e o descaso da educação pública do Ensino Fundamental e Ensino Médio, temos que ser protagonistas das mais diversas formas de atuação nesses espaços. Este ano o tema da Semana do Estudante nos chama a refletir sobre: uma educação libertadora e eu me pergunto o que realmente é para nós jovens da pastoral da juventude uma educação libertadora?

Esse é um tema que para nós vem cheio de questionamento sobre nossas atuações na sociedade, principalmente nesta sociedade que hoje percebemos ser apática, uma sociedade que diz amém para tudo exatamente por acreditar que é difícil mudar, às vezes pensam até ser impossível, mas para nós jovens da pastoral da juventude que sabemos qual é nosso lugar no mundo, que passamos por todos os processos de educação da nossa fé.

Chegamos com a certeza de que somente tendo uma postura libertadora apartir de nossa fé em Jesus Cristo que revolucionou apenas educando seu povo, temos que ir mais adiante e entrar diretamente nessa área em que passamos mais tempo, pois sabemos revolucionar na igreja lugar onde passamos apenas parte de nossa semana, sabemos revolucionar no ambiente em que trabalhamos, sabemos revolucionar em nossas casas, mas deixamos de revolucionar nas escolas lugar onde permanecemos parte de toda nossa adolescência e juventude.

E podemos fazer essa revolução dentro e fora da escola, levando verdadeiramente a discussão de educação libertadora, para nossos grupos onde quer que eles estejam, sejam eles católicos ou não temos o dever de iniciarmos os mais diversos debates, para construirmos definitivamente uma civilização do amor onde todos os jovens possam ter liberdade e direitos igualitários da mesma educação seja ela na elite ou na periferia.

Na pedagogia de Jesus somos todos impulsionados a termos vida digna em abundancia, e o primeiro passo para essa dignidade é a educação chegar com qualidade em todos os cantos e não apenas para uma parte do povo, nesta semana de 5 a 11 de agosto proporciona ao estudante ser estudante e celebrar este ser estudante nas mais diversas formas de um mundo mais acessível para todos.

O projeto final da educação libertadora é contribuir para que as pessoas sejam agentes de transformação do mundo, inserindo-se na história. Para isto, é preciso que as pessoas decifrem os aparentes enigmas da sociedade. Os marginalizados devem refletir sobre sua situação miserável e anti-humana. Devem identificar os mecanismos sócio econômicos responsáveis pela marginalização e pela negação de humanidade, devem buscar os caminhos para MUDAR as situações de opressão.

Este ano as pastorais da juventude do Brasil nos presenteia novamente com o subsidio da semana do estudante, que já é uma atividade permanente da pastoral da juventude em todo Brasil, é fácil baixar, então você jovem que ainda não conhece este material baixe-o e já comece desde já a colocá-lo em pratica para que apartir da educação construamos a civilização do AMOR.

Faça download do Subsídio no link: Subsídio Semana do Estudante 2012.rar (78.0 MB)

Eder Francisco da Silva (na foto à direita)
Assessor da Pastoral da Juventude Arquidiocese de São Paulo

Posts Relacionados